Mercado da Brandoa inaugura Presépio

Aguadeiras, lavadeiras, pastores e camponeses são algumas das peças que fazem parte do presépio exposto no Mercado Municipal da Brandoa até dia 6 de Janeiro. Com 1080 peças, 70 sacas de farinha pintadas, 140 quilos de musgo e 30 quilos de areia, a realização deste presépio é uma tradição com 9 anos que partiu da ideia do gerente da pastelaria Mina de Viana e que tem contado desde sempre com o apoio da Junta de Freguesia de Encosta do Sol.

Armando Paulino, presidente da Junta, esteve presente na inauguração do presépio, a 29 de Novembro, dia em que se assinalou também o 11.º aniversário do mercado com um lanche convívio para os fregueses que ali marcaram presença. “Esta é uma tradição simpática, pois são os próprios comerciantes do mercado que promovem a criação deste presépio que é já um verdadeiro ex-libris do concelho atraindo muitas pessoas a este espaço, especialmente crianças”, afirmou o autarca.

Momento especial no mercado é também a tradicional oferta de bolo-rei à população realizada a 6 de Janeiro, Dia de Reis. Este ano, a organização tem como objectivo confeccionar o maior bolo-rei do Mundo em peso. “O maior em comprimento já é o nosso, com 141 metros, só que o Guiness decidiu homologar o mais pesado, por isso este ano estamos à procura de parceiros que nos ajudem a atingir este fim”, explicou o Presidente assegurando que caso não o consigam concretizar “haverá com certeza um bolo-rei de aproximadamente 200 metros para distribuir pela população”.

Para o ano de 2020, Armando Paulino evidenciou a priorização da intervenção nas áreas da higiene urbana e a da requalificação de espaços públicos de forma a prosseguir o intuito de humanização dos espaços da freguesia. “Um dos trabalhos de uma autarquia é criar melhores condições para os seus habitantes no que toca ao espaço público o que consequentemente promove uma
maior qualidade de vida”, disse.

A população sénior da freguesia é também uma preocupação primordial para a Junta, que conta com vários espaços de ocupação de tempos livres com ateliers diários e atividades como ginástica ou natação. À semelhança do que tem sido feito, a autarquia continuará a promover visitas culturais com os seniores destacando-se, para o próximo ano, a realização de um cruzeiro ao Mediterrâneo durante uma semana no mês de Maio. “Queremos que a nossa gente saia e se divirta porque um povo que não respeita os seus idosos é um povo sem futuro… eles são para nós uma prioridade”, afirmou o Presidente.

Armando Paulino deseja que 2020 seja um ano de paz social. Preocupado, o autarca deixou um apelo: “Os nossos técnicos de saúde têm todo o direito de exercer as suas greves mas pedia-lhes que tivessem bom senso relativamente à forma como as fazem de forma a não colocarem em causa algo que é tão importante para todos nós como a saúde”.

Autor: Redacção

Deixar um comentário