CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Museu de Artilharia de Costa vai nascer na Parede

Património edificado e exemplar único no país, o Forte da Bataria de Artilharia de Costa da Parede vai transformar-se em breve no Museu Militar de Artilharia de Costa, rodeado por um jardim e parque temático para usufruto da população. Representando um investimento municipal de um milhão de euros, espera-se que os frutos da parceria entre a Câmara Municipal de Cascais e o Exército Português comecem a ser visíveis ainda este ano.

 

 
Parque temático e jardim enquadram projeto
 
O acordo de princípios para um Protocolo de Colaboração entre a Câmara Municipal de Cascais e o Exército Português decorreu, dia 28 de janeiro, na sala subterrânea do forte que se encontra desativado desde 1999 e que vai, em breve, cumprir outras funções com a instalação do Museu Militar de Artilharia de Costa, polo museológico dedicado à Artilharia de Costa e à Fortificação Marítima na História de Portugal. Na prática, na infraestrutura militar implantada nos Prédios Militares números 5, 37 e 39 de Cascais, afetos ao Exército e que fazem parte do domínio público militar, será criado um polo cultural de forte atração turística. 
 
Enquanto o Museu de Artilharia de Costa se vai desenvolver nas antigas instalações do forte, a nível subterrâneo, à superfície, numa áreas de cinco hectares, vai criar-se “um espaço visitável, confortável e seguro”, como referiu Inês Basto, arquiteta responsável pelo projeto, juntamente com Rita Herédia. Aberto à visitação do público, o espaço em que se optará por recuperar o existente e valorizar as peças de artilharia, oferecerá percursos para visitas mais ou menos longas e equipamentos para recreio e lazer, como uma cafetaria panorâmica e um anfiteatro, incluindo um circuito de recreio que evocará o antigo circuito de treino militar. Em torno dos muros que hoje isolam o quartel será criado um passeio para um acesso mais fácil e seguro. 
 
Aproveitando ao máximo as pré-existências e procurando evocar a história do local, “o projeto representará um investimento de cerca de um milhão de euros”, adiantou Carlos Carreiras, presidente da Câmara Municipal de Cascais. “Este é claramente uma das melhores vistas de Cascais sobre a entrada do Tejo e vai ser um polo muito importante para preservarmos as nossas memórias, pelo que temos todos os ingredientes para um caso de sucesso”, referiu ainda o autarca, aproveitando a oportunidade para lançar o repto a uma nova parceria com vista à recuperação da Bataria de S. Gonçalo.
 
Presente na cerimónia, Berta Cabral, Secretária de Estado da Defesa, não só aceitou o desafio, como confirmou a disponibilidade do Estado para estabelecer novas parcerias com os municípios de todo o país, “em defesa da nossa cultura, história e identidade”. Por seu lado, Pina Monteiro, general, Chefe do Estado-Maior do Exército, considerou ser este “um momento histórico” e “um exemplo da proximidade entre o exército e a comunidade civil”. Reiterando que com a criação deste museu os cidadãos irão recordar a história militar que aqui se viveu”, Pina Monteiro, destacou que no âmbito deste projeto “vai ser possível estudar e aprofundar a história da artilharia de costa em Portugal”. 
 
Essa é, aliás, uma das premissas do acordo de princípios agora assinado que, além da constituição do museu e do jardim e parque temático, antecipa o desenvolvimento de projetos de investigação sobre a defesa de costa e fortificação marítima a assegurar pelo Exército, em associação com a Biblioteca do Exército, o Arquivo Histórico Militar e o Gabinete de Estudos Arqueológicos da Engenharia Militar.
 
Aspetos como a listagem completa dos espólios a ceder pelo Exército e pelo Município de Cascais para o funcionamento do Museu Militar da Artilharia de Costa, ou qual a posição do Município de Cascais no que respeita ao aumento do acervo aquisição de objetos e coleções estão também em cima da mesa de negociações entre o município de Cascais e o Exército Português, as quais deverão estar concluídas no mais curto espaço de tempo.
 
 

Sugerimos também

Cascais Digital

linha_146x65_1360_146x65mobi_146x65_0loja_146x65geo_146x65ambiente_146x65-01_2cultura_146x65_0jovem_146x65_0participa_146x65_0fix_146x65